Hide shortcuts

Núcleo Regional Acre

O Núcleo Regional Acre (NR-AC) foi estabelecido em 2006, tem como base o campus da Universidade Federal do Acre (UFAC), em Rio Branco, tem o Grupo de Pesquisa Biodiversidade (GPBIO) como seu núcleo central e como parceiros a Secretaria de Estado da Indústria, do Comércio e dos Serviços Sustentáveis e Desenvolvimento Agroflorestal, Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA), Instituto de Meio Ambiente do Acre (IMAC), Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Estado do Acre (IDAF), Fundação de Tecnologia do Estado do Acre (FUNTAC)INPA-AC, ICMBio, IBAMA, Centro de Pesquisa Agroflorestal do Acre (CPAFAC-EMBRAPA), Fundo Mundial para a Natureza (WWF-Brasil), União Educacional do Norte (UNINORTE), o Instituto Federal de Educação (IFAC) e A Fundação Oswaldo Cruz (FIOCRUZ).  
Através dos inventários do PPBio e de levantamentos realizados no Acre por pesquisadores locais e de fora do estado, o NR-AC busca melhorar a infraestrutura das coleções biológicas (herbário, xiloteca, ficológica, entomológica, ictiológica, herpetológica, ornitológica e mastozoológica), que, juntamente com os acervos históricos e a pinacoteca, integram o Museu Universitário da UFAC.
 
As ações executadas pelo NR-AC focam o inventário e o monitoramento da biodiversidade na paisagem fragmentada do leste do Acre, nos municípios de Senador Guiomard e Porto Acre,  em uma área de produção florestal no município de Sena Madureira, na região considerada lacuna de informação biológica, bacia do alto rio Purus, município de Manoel Urbano, e também, em uma área de relevante interesse para a conservação, como o complexo vegetacional sobre areia branca, na bacia do alto rio Juruá, municípios de Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima.  

Os efeitos da fragmentação sobre a biodiversidade estão sendo investigados em cinco parcelas instaladas na Fazenda Experimental Catuaba, e em 10 na Reserva Florestal Humaitá (linhas tracejadas são as futuras parcelas). Na floresta de produção há uma linha de 5 km com três parcelas instaladas, na região de lacuna há um módulo com 10 parcelas, instalado no Parque Estadual Chandless pela SEMA, e no complexo vegetacional sobre areia branca há uma linha de 5 km, na BR 317, com três parcelas instaladas.

 
 
 

A execução dos inventários nessas áreas é potencializada graças à sinergia existente entre os membros do NR-AC com a Rede Amazônia de Inventários Florestais (RAINFOR), que apoia os levantamentos da vegetação e com o Programa de Pós Graduação em Ecologia e Manejo de Recursos Naturais da UFAC, que nelas realiza a disciplina Ecologia de Campo, como ocorrido em 2010, 2011, 2012 e 2014.

Entre as principais produções do NR estão o Primeiro catálogo da flora do Acre, Aves do Acre e o Guia ilustrado e manual de arquitetura foliar para espécies madeireiras da Amazônia Ocidental. Além de artigos para revistas nacionais e internacionais, o NR está elaborando guias ilustrados de identificação. 

 
Coleção Responsável Contato
Coleção Ficológica Maria Rosélia Marques Lopes roselia@ufac.br
Herbário Rosângela Holanda rosaholanda@yahoo.com.br
Xiloteca Moisés Silveira Lobão moiseslobao@hotmail.com
Coleçãp de Entomologia (Hymenoptera Aculeata) Elder Ferreira Morato elderfmorato@yahoo.com.br
Coleção Ictiológica Lisandro Juno Soares Vieira lisandro@ufac.br
Coleção de Mamíferos Armando Calouro acalouro@bol.com.br
Coleção Herpetológica Moisés Barbosa de Souza moisesbs@ufac.br
Coleção Ornitológica Edson Guilherme edson.guilherme@uol.com.br
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Contato:
Marcos Silveira – Florística e Ecologia vegetal 
BR-364 Km 05
Bairro: Distrito Industrial
Rio Branco, AC
69915-900