O Programa de Pesquisa em Biodiversidade (PPBio), o Centro de Pesquisas Integradas da Biodiversidade Amazônica (CENBAM) e a Fundação de Tecnologia do Estado do Acre (FUNTAC), realizaram entre os dias 02 a 06 de setembro de 2013, o curso de “Instalação de parcelas permanentes para monitoramento da biodiversidade” na Floresta Estadual do Antimary, Acre.
 
Realizado na Sede Uirapuru, o curso contou com a participação de bolsistas PIBIC Jr da Rede Estadual de Ensino das Escolas Mapinguari e Cajueiro e Técnicos da FUNTAC.
 
 
O curso foi ministrado por Sérgio Oliveira, Thaline Brito (PPBio/CENBAM) e Júlio Nauan (UFAC). Durante o curso os participantes aprenderam a usar ferramentas como o GPS, bússola e clinômetro, as técnicas para a abertura de trilhas e parcelas permanentes terrestres de distribuição uniformes e como guardar estas informações.
 
 
 
O objetivo do curso consistiu em apresentar o método RAPELD utilizado pelo PPBio/CENBAM como ferramenta para monitorar a biodiversidade em áreas com extração madeireira. A proposta discutida foi de criar trilhas e parcelas em talhões a serem explorados a fim de fazer o monitoramento a longo prazo, bem como em áreas de reserva absoluta.
 
 

FUNTAC e PPBio/CENBAM promoveram curso de Instalação de parcelas permanentes no NR Acre