Os estudos de biodiversidade na área de influência da BR 163, no Pará, estão sendo conduzidos através do PIME. O "Projeto Integrado MCT - Embrapa (PIME)" tem por objetivo avaliar a sustentabilidade social, econômica e ambiental do Distrito Florestal da BR-163 (DFS BR-163), instituído por meio Decreto Presidencial de 13 de fevereiro de 2006. Um de seus objetivos é promover a integração de competências desenvolvidas no âmbito dos grandes projetos de pesquisa do MCT cujo foco é a Amazônia (LBA, GEOMA, PPBio) e as da Embrapa, voltadas para o desenvolvimento de tecnologias regionais.
 
O Distrito Florestal Sustentável (DFS) da BR-163 ambiciona criar um "Território Sustentável", por meio de ações coordenadas que visam um aproveitamento ordenado e sustentável da atividade madeireira e o desenvolvimento de alternativas economicamente viáveis à derrubada da floresta. No que diz respeito ao PIME, trata-se de uma ocasião única tanto de estudar os impactos de políticas públicas abrangentes sobre as mudanças no uso da terra e seus impactos sobre os recursos naturais, bem como fornecer uma contribuição "em tempo real" aos esforços de criação do Distrito.
 
O PPBio está encarregado, neste projeto, dos estudos sobre a distribuição da biodiversidade na área do DFS e de avaliar os impactos de diferentes usos da terra, principalmente a exploração madeireira, sobre a biodiversidade. No momento, estão sendo conduzidos estudos sobre ervas terrestres (Responsáveis: Fernando Figueiredo e Flávia Costa, INPA), invertebrados terrestres (Responsáveis: Marlúcia Martins, Alexandre Bonaldo, Catarina Praxedes, MPEG) e aves (Responsáveis: Alexandre Aleixo e Elinete Rodrigues, MPEG).
 
A Coordenadora Geral do projeto PIME é a Dra Ana Albernaz, do MPEG anakma@museu-goeldi.br
 
 
Metadados
Orientações para facilitar a pesquisa no repositório: na página de busca do link acima digitar a palavra chave: BR 163
 
Cada transecto está representado por um nome em código, e estes são traduzidos para os nomes dos transectos no arquivo codigo_transecto_PIME.pdf.
 
Infraestrutura
 
 
Contato
Dra Ana Albernaz

 

BR-163